Com o objetivo de conscientizar alunas, alunos, equipes educacionais e familiares sobre a importância de prevenir e combater o mosquito Aedes aegypti, a Prefeitura promoveu nesta sexta-feira (1º), o Dia D de Combate à Dengue nas Escolas.

Durante todo o dia, as unidades da rede municipal promoveram diversas atividades, incluindo a distribuição de folders informativos, apresentações, músicas, quadrinhos e outras ações lúdicas e educativas. “Ao conscientizar nossas crianças e adolescentes levamos conhecimento e práticas preventivas que certamente impactam seus lares e a toda comunidade onde vivem”, observou o prefeito Rubens Bomtempo.

A mobilização, segundo a secretária de Educação, Adriana de Paula, visou não só informar, mas também sensibilizar alunos, professores e toda a comunidade escolar, além de criar uma rede de conscientização e prevenção. “Envolver nossas crianças e adolescentes nesta luta, que é de toda a sociedade, é criar multiplicadores. O que elas aprenderam na escola certamente levarão para a casa, para o seu bairro e região”, enfatiza a secretária.

Para o secretário de Saúde Marcus Curvelo, a educação é uma ferramenta importante no enfrentamento coletivo à doença. “Através das atividades propostas foi possível conscientizar nossos estudantes sobre os cuidados necessários para evitar a proliferação do mosquito”, disse Marcus Curvelo.

O mosquito Aedes aegypti é transmissor não apenas da dengue, mas também de outras doenças como Zika e Chikungunya. “As crianças são as nossas principais mensageiras que levam as informações de conscientização para o combate à dengue. E por isso aplicamos dinâmicas que falam sobre o cuidado com a própria casa, pois fazendo a nossa parte, protegermos outras famílias também”, finalizou a professora Elaine Sixel, do CEI Patricia Ferreira e Silva Freitas.